sexta-feira, 8 de julho de 2011

Dos Sonhos...

Não obstante a minha vontade de ir viver para o litoral (fico mais perto da minha família, tenho acesso fácil a coisas simples que por aqui não existem embora já não possa sair de casa 5 minutos antes de entrar no trabalho), preocupa-me o facto de mudar de vida...assim sem mais nem menos...

A ideia é esperar entre 5 a 10 anos. Poderia fazê-lo antes, pois que sim, mas em consideração à minha chefe não o faço. Temos um projecto comum que queremos terminar. Quando esse projecto terminar (e sabemos que termina em 2015) ela reforma-se e eu "faço-me à estrada", que é como quem diz que terei de desempenhar outras funções aqui no "esblecimento", ou de imediato começarei a disparar CV's para a zona que quero, ou quiçá tentar uma transferência ou mobilidade.

Até 2015 faltam 4 anos...mas em 4 anos o fantasma da crise não deve ter desaparecido ainda e por isso temos medo (para não dizer pavor) de arriscar mudar de vida.

É que temos emprego muito estável, com vínculo daqueles para a vida...mas que não nos preenche, que não realiza enquanto profissionais e enquanto pessoas...e depois...há que encontrar emprego para ambos, há que vender a casa aqui, há que arranjar casa lá...

Dizem-me para não ter filhos se essa a minha ideia, porque depois com um filho já não vou mudar e acomodamo-nos à vida que temos...Não sei se será assim. Pode parecer egoísta da minha parte, mas não estou a visualizar bem qual o problema de mudar de vida com um filho atrelado. Óbvio que não vou fazê-lo levianamente mas não é impossível.

Tenho medo de arriscar a mudança e perder e correr mal...mas sonhar ainda e possível, e até hoje tenho conseguido tudo aquilo a que me propus fazer.

E por isto, este é só o  meu poema da minha vida, que ilustra bem a capacidade que temos em mudar a nossa vida, e tudo começa por um sonho!

Eles não sabem que o sonho
é uma constante da vida
tão concreta e definida
como outra coisa qualquer,
como esta pedra cinzenta
em que me sento e descanso,
como este ribeiro manso
em serenos sobressaltos,
como estes pinheiros altos
que em verde e oiro se agitam,
como estas aves que gritam
em bebedeiras de azul.
eles não sabem que o sonho
é vinho, é espuma, é fermento,
bichinho álacre e sedento,
de focinho pontiagudo,
que fossa através de tudo
num perpétuo movimento.
Eles não sabem que o sonho
é tela, é cor, é pincel,
base, fuste, capitel,
arco em ogiva, vitral,
pináculo de catedral,
contraponto, sinfonia,

máscara grega, magia,
que é retorta de alquimista,
mapa do mundo distante,
rosa-dos-ventos, Infante,
caravela quinhentista,
que é cabo da Boa Esperança,
ouro, canela, marfim,
florete de espadachim,
bastidor, passo de dança,
Colombina e Arlequim,
passarola voadora,
pára-raios, locomotiva,
barco de proa festiva,
alto-forno, geradora,
cisão do átomo, radar,
ultra-som, televisão,
desembarque em foguetão
na superfície lunar.
Eles não sabem, nem sonham,
que o sonho comanda a vida,
que sempre que um homem sonha
o mundo pula e avança
como bola colorida
entre as mãos de uma criança.

In Movimento Perpétuo, 1956

5 comentários:

Lux disse...

Este poema e dos meus favoritos...
Em relação à tua dúvida, com medo não chegamos a lugar algum... É preciso saber arriscar, mas na altura certa.
Se esta ainda não é altura mais correcta para fazeres estas mudanças, não as faças, para já, mas nunca te acomodes... Mais tarde vais arrepender-te!

xoxo
Lux

Candybabe disse...

Sonhar é fundamental!!!!
Ficares presa a algo apenas, porque é estável vai fazer com que a curto prazo isso não te baste... Podes fazer mudanças de forma cuidada... Vai vendo com calma para poderes avaliar as diferentes situações.
Kisses

na america profunda disse...

O meu lema e' "muda que Deus ajuda"
eu mudei de continente agora sonhamos mudar de estado e num futuro sonhamos regressar as origens... e e' assim que vivemos o nosso dia a sonhar e a fazer planos e sem medo de arriscar...
beijinhos bom fds

Sara sem Sobrenome disse...

Pode correr mal mas também pode correr muito bem.:)
É atirar de cabeça e... bem, seja o que Deus (ou outra pessoa qualquer) quiser.:)

guida disse...

Está tão difícil mudar de casa :(

beijo