sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Adenda ao post anterior

É obvio que existem excepções...

E fico muito feliz por viver num local invejado por muitos.

E tenho o maior dos orgulhos em dizer que vivo no Alentejo.

E quero que os meus filhos sintam orgulho em ser Alentejanos.

E quero manter aqui a minha casa.

E quero continuar a viver por aqui mais uns tempos.

Mas também quero evoluir pessoal e profissionalmente, coisa que aqui será difícil....e por isso não excluo a possibilidade de viver no litoral, próxima da minha família, próxima do mar, próxima das minhas recordações...

4 comentários:

Sara* disse...

Ate podes vir para o litural, que sim, a realidade é que aqui o mundo profissional tem mais saida (se bem que hoje em dia está complicado em todo o lado), mas tens sempre o teu refugio alentejano e isso é maravilhoso

Manuela disse...

Querida Vera, esse é o problema da interioridade, a falta de saídas profissionais.
Beijinhos e bom fim-de-semana :)

Sex na Cidade disse...

aiii amo o Alentejo!!!

Maria

Viagens Lacoste disse...

Passo a maioria dos meus fins de semana no Alentejo profundo e cada vez gosto mais.