quinta-feira, 2 de junho de 2011

De partilhar a nossa vida...

Chateia-me assim um bocadinho partilhar a minha vida com pessoas minhas amigas (julgava eu), e depois vir a perceber que essa mesma pessoa faz segredo de estado de toda a sua vida...

Aconteceu...e eu sou mesmo parva...

Pessoa essa que em tempos me deu lições de moral por eu contar muito da minha vida...

Pessoa essa que vinha todos os dias perguntar sobre a  minha vida, o que eu fazia e não fazia, e ao mesmo tempo aconteciam coisas importantes na vida dela que só agora vim a descobrir. Coisas do tipo, concorrer a lugares para empregos longe daqui, para categoria superior...

Não que esteja zangada por não ter sabido, mas sinto-me disiludida por ela não ter partilhado...eu ficaria feliz se o conseguisse...

É como devassa da vida privada...inocentemente fui partilhando a minha vida...e afinal, do outro lado...zero...

Sinto-me mesmo uma grande idiota...

3 comentários:

Lu! disse...

Já me aconteceu isso... Senti-me estúpida por confiar nela e ela... :(

Ana disse...

Sabes, eu não tenho por hábito falar da minha vida privada, nem com os amigos mais próximos. Posso contar coisas mais banais, sem importância, mas aquilo que é pessoal, guardo para mim. No entanto, também não tenho o hábito de perguntar nada a ninguém. O que acontece é que eu tenho amigos (tanto elas como eles) que gostam de desabafar, partilhar, pedir conselhos. Eu sou boa ouvinte, respeito quem gosta de o fazer e agradeço a confiança que depositam em mim, claro. Mas não esperem que eu desate a contar a minha vida só porque me contam a sua. Cada qual tem a sua maneira de ser e há que respeitar isso.

Vera disse...

Eu falo mesmo de coisas banais...do género fazer-se de convidada para ir provar um café à minha casa para saber se valeria a pena comprar uma maquina igual à minha. E depois comprar e ser incapaz de me dizer:"Olha afinal o café é bom e sempre comprei a máquina". E querer saber ao pormenor como foram as minhas férias em Paris e ser incapaz de comentar:"olha no fim de semana também fui aqui ou ali..."e depois publicar fotos no FB. E é isto...claro que não quero saber da vida privada, mas há coisas que não são assim tão privadas...são banais...