segunda-feira, 11 de abril de 2011

Foi em boa hora

Em boa hora que decidimos comprar a mota.

Claro que não nos livramos dos comentários parvos do género "com um carro tão bom que têm estão a passar de cavalo para burro", "não vejo vantagem nenhuma se continuas a ter de andar sempre à boleia do teu marido", "vais ter sempre de andar de carro por isso não vai have poupança", etc etc etc, mas a verdade é que estou-me literalmente nas tintas.

Em boa hora que decidimos comprar a mota porque ainda só passaram 2 semanas e já notamos uma diferença significativa em relação aos kms percorridos e ao valor gasto em combustível.

E com os valores absurdos que temos de pagar por litro de gasolina...é de apostar cada vez mais num meio de transporte mais económico. A nossa carteira agradece (muito) e o ambiente também.

6 comentários:

na america profunda disse...

E como esses dias bem quentinhos que tem estado deve ser o maximo
beijinhos e vozes de burro nao chegam ao ceu...ignora
beijooo

guida disse...

Cada um vê e segue a melhor forma para economizar.

beijo

Lux disse...

Eu, pessoalmente não gosto de motos, porque lhe tenho medo... Só isso.
Agora, se trocaram carro por mota u não, é lá connvosco e ninguém devia criticar as vossas opções...
Cada um sabe a melhor forma de gerir o seu dinheiro, e os tempos não estão fáceis!

xoxo
Lux

Candybabe disse...

Mota...
Foi algo que já me passou pela cabeça... Fugia do trânsito, poupava na gasosa e estacionar era fácil...
A parte chata é quando chove...
Kisses

Lu! disse...

Manda fo**** os comentários dos outros! Quem governa a tua vida és tu! Se estás satisfeita então optimo :)

Dear Daisy disse...

Vozes de burro não chegam ao céu!!
Há 2 meses que temos dois carros na garagem sem gastar gota de combustível!!!
(Excepto para viagens longas, como foi na Páscoa, e qdo chove.)
Beijoca :)